sábado, 10 de agosto de 2013

cozinha e casa de banho remodeladas, 3 dias de ferias e...Nada

as obras começaram no dia 17 de Julho, deixaram-me a lista das coisas que iriam ser feitas e o numero de dias que iriam levar para concretizar as obras 15 dias e para cada dia existia uma actividade específica por baixo da lista deixaram uma observação
    Isto é apenas uma estimativa caso aja alguma alteração nós enviaremos-lhe uma carta  
ao fim de 3 dias reparo que as obras estão um dia adiantadas, e no 15º dia ao chegar a casa verifiquei que eles nem sequer lá tinham estado mas as obras estavam aparentemente terminadas, eu já tinha marcado os dias de ferias para ficar em casa e mudar as tralhas todas que eu tinha tirado da cozinha e da casa banho e voltar a meter tudo no lugar, na quarta feira no primeiro dia das minhas ferias telefonei para o responsável pela obras e perguntei-lhe pelas chaves da minha casa, ele veio fazer a vistoria e ainda faltavam uns mínimos acabamentos, nesse mesmo dia vieram o carpinteiro e o pintor e o electricista veio já na sexta feira, mas isso não invalidava que eu fizesse as minhas arrumações, no entanto passara-se os 3 dias e as coisas aqui em casa estão quase todas na mesma, e eu chego à conclusão que eu estou completamente desmotivada de fazer o que quer que seja nesta casa, eu odeio esta casa, o único sitio que está bonito nesta casa por enquanto é a cozinha mas eu não tenho qualquer afeição ou apego a esta casa eu odeio o facto de ter de subir escadas para ir para o quarto ou para ir tomar bano porque a casa tem dois pisos coisa que eu sempre odiei, eu odeio escadas nunca gostei de escadarias mas também não é isso, eu estou a tornar-me numa reclusa, eu afasto-me das pessoas da família eu tenho computadores e tenho Internet tenho facebook, tenho Skype e hoje tomei a decisão de desligar facebook e Skype só para não ter de falar com ninguém, eu tenho cá em casa 4 telemóveis e um telefone fixo o fixo está completamente desligado dos cabos e os telemóveis apenas os utilizo como despertadores, eu estou lentamente mas a passos gigantes a desligar-me do mundo eu preciso de ajuda mas não tenho e nem sei a quem pedir ajuda neste país e creio que mesmo, creio não, eu sei de certeza que em Portugal eu não teria qualquer tipo de ajuda ou apoio, sinto-me sem forças e sempre cansada sem gosto para nada excepto esta obsessão em passar horas e horas a ver programas do DR Phill um talk show americano, não sei se o faço para sentir um certo consolo em saber que existem pessoas mais estranhas do eu que neste mundo porque porra, é cada maluco/a que vai àquele talk show que eu até fico zonza.

Sem comentários:

Enviar um comentário